Família de atriz supostamente morta acusa polícia de pouco empenho em busca

sexta-feira, 17 de outubro de 2014 21:05 BRT
 

Por Eric Kelsey

LOS ANGELES (Reuters) - LOS ANGELES, Oct 17 (Reuters) – A família da atriz Misty Upham, do filme “Álbum de Família”, supostamente encontrada morta depois de passar mais de uma semana desaparecida, está revoltada com o fato de a polícia estadual de Washington ter feito pouco esforço para encontrá-la, declarou uma amiga da família nesta sexta-feira.

Um grupo de busca organizado pelos familiares encontrou um corpo que acredita ser o da atriz norte-americana de origem indígena de 32 anos na quinta-feira no fundo de um aterro na cidade de Auburn, em Washington.

A polícia local declarou que não considerou Misty sob ameaça e que não podia fazer muito na situação porque a atriz era adulta e saiu de casa por conta própria.

O legista do condado de King deve identificar o corpo e divulgar os resultados da autópsia ainda nesta sexta-feira. Uma bolsa com documentos de Misty foi encontrada no local, disse a polícia.

A amiga Tracy Rector, cinegrafista que participou da busca que procurou Misty e tem atuado como porta-voz da família, disse que a atriz sofria de ansiedade e de transtorno bipolar e não estava tomando os remédios quando seu pai relatou seu desaparecimento no dia 6 de outubro.

“Eles decidiram não agir quando a família implorou que ajudassem”, afirmou Rector a respeito da polícia de Auburn. “Não condizia com Misty desaparecer assim… Eles procuraram a polícia repetidas vezes”.