Estrela de "Doutor Jivago", ator Omar Sharif morre aos 83 anos

sexta-feira, 10 de julho de 2015 12:13 BRT
 

CAIRO (Reuters) - O ator Omar Sharif, mais conhecido por seu papel no filme ganhador do Oscar "Doutor Jivago", morreu aos 83 anos, de acordo com a televisão estatal egípcia.

A rede BBC também relatou a morte do ator, citando o empresário dele.

Em maio, o empresário de Sharif confirmou que o ator, que interpretou diversos personagens enquanto criava uma reputação como jogador profissional de bridge, sofria de Alzheimer.

Sharif nasceu no Egito e foi um dos poucos atores árabes a fazer sucesso em Hollywood. Ele ganhou fama internacional e uma indicação ao Oscar de melhor ator coadjuvante por seu papel no filme "Lawrence da Arábia", de 1962, com Peter O'Toole.

Nascido Michel Shalhoub em 10 de abril de 1932 em uma família rica em Alexandria, no Egito, Sharif cresceu interessado em atuar enquanto estudava matemática e física em uma universidade no Cairo.

Ele trabalhou por diversos anos na indústria madeireira de seu pai antes de realizar sue sonho em um filme egípcio, "The Blazing Sun", em 1954, fazendo par com a maior estrela do oriente médio Faten Hamama.

Criado como católico romano, Sharif se converteu ao Islã e casou com Hamama em 1955, assumindo seu novo nome. Eles tiveram um filho, Tarek, que interpretou Yuri em "Doutor Jivago" quando tinha 8 anos, mas o casal se divorciou em 1974.

Apesar da imagem de Sharif como sex symbol ele não casou novamente, dizendo que nunca se apaixonou por outra mulher.

 
Ator egípcio Omar Sharif . 16/06/2009 REUTERS/Eloy Alonso