Pintura de Basquiat foi levada pelo dono, não foi roubada, diz polícia

sábado, 17 de outubro de 2015 12:07 BRT
 

PARIS (Reuters) - Uma pintura de Jean-Michel Basquiat, cujas obras rendem vários milhões de dólares em leilão, foi levada pelo legítimo proprietário de um apartamento em Paris, disse a polícia francesa neste sábado, e não foi roubada, como havia sido divulgado anteriormente.

A pintura, que a imprensa francesa disse valer cerca de 10 milhões de dólares, foi dada como desaparecida por uma mulher depois que ela retornou na sexta-feira à noite para o imóvel, perto do palácio presidencial do Eliseu.

Mas o desaparecimento da obra se deveu a um problema de família, segundo a polícia. O escritório da promotoria disse que a mulher está em processo de divórcio.

Basquiat, um artista norte-americano de ascendência haitiana e porto-riquenha morreu em 1988 aos 27 anos. Em 2013 sua pintura "Dustheads" atingiu um recorde de 48,8 milhões de dólares em um leilão em Nova York.

(Reportagem de Simon Carraud e Sybille de La Hamaide)