Partido Republicano critica moderadores de debate na TV

quinta-feira, 29 de outubro de 2015 09:56 BRST
 

Por Ginger Gibson

WASHINGTON (Reuters) - Candidatos presidenciais republicanos e líderes do partido criticaram duramente os moderadores do debate organizado pela emissora CNBC na quarta-feira à noite, e o senador Ted Cruz disse que o evento mostrou "porque o povo americano não confia na mídia".

No encerramento do evento de duas horas em Boulder, no Estado do Colorado, o presidente do Partido Republicano, Reince Priebus, ridicularizou os moderadores e suas perguntas – um comportamento raro de um líder partidário que aprovou a realização do evento envolvendo os candidatos que buscam a nomeação do partido para disputar a Presidência do país na eleição de novembro 2016.

"Embora eu esteja orgulhoso de nossos candidatos e a forma como lidaram com o debate de hoje à noite, o desempenho dos moderadores da CNBC foi extremamente decepcionante e prestou um desserviço à sua rede, aos nossos candidatos e aos eleitores", disse Priebus em um comunicado.

Perguntas em debates das primárias republicanas têm sido um ponto de discórdia dentro do partido. Priebus instituiu uma série de regras após a eleição de 2012, em uma tentativa de melhorar os debates com moderadores que estariam interessados ​​em discutir questões conservadoras.

O evento de quarta-feira foi moderado por Becky Quick, John Harwood e Carl Quintanilla, da CNBC. O público os vaiou alto por vários momentos – às vezes com o incentivo dos candidatos.

"Havia muitos conservadores instando-os a pegar duro com a mídia, e isso é o que eles fizeram", disse Harwood, em resposta às críticas. Ele argumentou que os moderadores precisavam fazer aos candidatos perguntas difíceis sobre a política econômica.

Os moderadores tiveram pouca tolerância com os candidatos que tentavam intervir e responder a uma declaração de outro candidato e frequentemente cortaram qualquer um que tentasse entrar na conversa. Isso, por sua vez, atraiu mais vaias do público e críticas dos candidatos.

Cruz, senador norte-americano pelo Texas, foi o mais inflamado nas críticas aos moderadores, depois de uma pergunta sobre o orçamento.

"As perguntas que foram feitas até agora neste debate ilustram porque o povo americano não confia nos meios de comunicação", disse.

(Reportagem de Ginger Gibson)

 
Presidente do Partido Republicano, Reince Priebus, durante evento em Cleveland.   05/10/2015    REUTERS/Brian Snyder