Chris Stapleton, Luke Bryan e Miranda Lambert são destaques de premiação da música country

quinta-feira, 5 de novembro de 2015 10:53 BRST
 

NASHVILLE (Reuters) - O divórcio dos astros da música country Blake Shelton e Miranda Lambert pode ser definitivo, mas a cantora teve motivos para comemorar na premiação da Associação da Música Country dos Estados Unidos, na noite de quarta-feira, enquanto seu ex foi para casa de mãos vazias.

Miranda, de 31 anos, recebeu seu sexto prêmio consecutivo de vocalista do ano, um recorde, e fez apenas uma referência a seu rompimento bastante público com Shelton, ao dizer: "Eu realmente agradeço. Eu precisava de algo bom este ano."

Mas Shelton, depois de cinco vitórias consecutivas na categoria de vocalista masculino, viu o estreante Chris Stapleton arrebatar o prêmio este ano.

Mais cedo, no 49º encontro anual da associação, Shelton, de 39 anos, estava animado e deu gargalhadas com os anfitriões Brad Paisley e Carrie Underwood.

Embora os holofotes da maior noite da música country estivessem voltados para o ex-casal, foi Stapleton que emergiu talvez como o maior vencedor da noite, saindo com três prêmios inesperados, incluindo álbum do ano ("Traveller") e novo artista do ano.

Em um dos três discursos de agradecimento, um Stapleton emotivo prestou homenagem a seu pai, que morreu há dois anos. "Fiz este disco pensando muito sobre a música de que ele teria gostado", disse. "Ele teria gostado de ver isso."

O principal prêmio da cerimônia foi para Luke Bryan, que começou seu discurso de aceitação em um tom religioso: "Obrigado Senhor, obrigado Jesus, obrigado a todos no céu olhando por mim."

Bryan, que no ano passado também levou para casa o prêmio máximo, homenageou Stapleton, dizendo: "Assistir a Chris Stapleton se sobressair esta noite é muito inspirador."

 
Miranda Lambert durante apresentação na premiação da Associação da Música Country dos Estados Unidos, em Nashville.  04/11/2015    REUTERS/Harrison McClary