Elvis Presley volta ao topo da parada de discos britânica

sexta-feira, 6 de novembro de 2015 18:49 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Quase 40 anos depois da sua morte, Elvis Presley está de volta ao topo da parada de discos britânica, a 12ª vez em que ele fica em primeiro lugar no Reino Unido, com o álbum “If I Can Dream”, uma coletânea de clássicos do cantor na qual se destaca o trabalho de orquestra da Filarmônica Real.

Isso significa que Elvis agora tem mais discos número 1 no Reino Unido do que qualquer outro intérprete solo masculino e que ele empata com Madonna, em segundo lugar, como o artista que mais alcançou o topo da parada de álbuns, atrás dos Beatles, que chegaram lá 15 vezes, disse a Official Charts Company nesta sexta-feira.

Elvis conquistou o topo do ranking com 79.000 vendas, a organização acrescentou, levando o cantor ao segundo lugar entre os discos mais rapidamente vendidos no ano, atrás de “Chasing Yesterday”, da banda High Flying Birds, de Noel Gallagher.

Rod Stewart emplacou pela 34ª vez um disco na lista dos dez primeiros lugares da parada, com “Another Country”, número 2 no ranking. Guy Garvey, do Elbow, ficou em terceiro com o seu primeiro disco solo, “Courting the Squall”.

Na parada de singles, Adele foi a vencedora pela segunda semana com “Hello”, a gravação mais rapidamente vendida no Reino Unido em 2015, e “Sorry”, de Justin Bieber, ficou em segundo lugar.

O tema no novo filme de James Bond, “Writing’s on the Wall”, de Sam Smith, foi o terceiro colocado.

(Reportagem de Stephen Addison)