Prince é mais um artista a cancelar shows na Europa após atentados de Paris

segunda-feira, 16 de novembro de 2015 15:49 BRST
 

LONDRES (Reuters) - Prince se juntou à banda irlandesa U2 e aos roqueiros norte-americanos do Foo Fighters, entre outros artistas, e cancelou apresentações na França e em outras partes da Europa em reação ao massacre em uma casa de shows de Paris na sexta-feira.

Ao anunciar que o cantor não irá tocar mais no dia 24 de novembro, a famosa sala de espetáculos Wiener Konzerthaus de Viena disse em seu site: “Devido aos acontecimentos trágicos em Paris, o promotor da turnê decidiu adiar a iminente turnê europeia até segunda ordem”.

Reportagens da agência de notícia France Presse publicadas na França e em sites afirmaram que Prince também cancelou dois shows marcados para o início de dezembro no Palais Garnier de Paris. Não foi possível obter comentários dos organizadores de suas apresentações na capital francesa.

Militantes islâmicos munidos de bombas e armas de fogo realizaram uma carnificina no norte de Paris, matando pelo menos 87 pessoas na casa de shows Bataclan e mais 42 em outros locais por toda a cidade.

    O grupo norte-americano Eagles of Death Metal estava se apresentando no local e saiu ileso, mas um dos promotores da banda, Nick Alexander, morreu, assim como três pessoas que trabalhavam para a gravadora Universal Music.

    (Por Michael Roddy) 

 
Prince acena durante torneio de tênis de Roland Garros em Paris.  2/6/2014.    REUTERS/Vincent Kessler