Banda Eagles of Death Metal fará show para sobreviventes de atentados de Paris

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016 16:05 BRST
 

PARIS (Reuters) - A banda de rock norte-americana Eagles of Death Metal, que estava no palco quando o grupo Estado Islâmico atacou a casa de shows Bataclan e matou 89 pessoas em Paris em novembro passado, expressou solidariedade com aqueles que estão traumatizados demais para comparecer a uma apresentação sua em outra casa parisiense nesta terça-feira.

Com policiais armados de guarda, funcionários fixaram o nome da banda com letras vermelhas garrafais diante da casa de shows Olympia. O Bataclan, onde os músicos tocavam diante de uma plateia de cerca de 1.500 pessoas na noite dos atentados de 13 de novembro, ainda está fechado.

Os três militantes que atacaram a plateia participavam de uma ação coordenada que deixou 130 mortos na capital francesa, e cuja autoria foi reivindicada pelo Estado Islâmico.

A banda californiana ofereceu ingressos gratuitos aos sobreviventes, e psicólogos estavam a postos para ajudar as pessoas que aparecerem para o show desta terça-feira. Toda a renda irá para uma associação de apoio às vítimas.

Mas muitas ainda estão se recuperando dos ferimentos ou recolhidas, sem vontade de reviver as lembranças da noite dos atentados. "Entendo por que elas não podem vir se não quiserem. Mas eu gostaria que pudessem", disse o líder do Eagles of Death Metal, Jesse Hughes.

Outros saudaram a apresentação como uma maneira de seguir em frente.

(Por Anca Ulea e Antony Paone)

 
Homens colocam letras da banda Eagles of Death Metal em Paris.  16/2/2016.  REUTERS/Gonzalo Fuentes