Papa responde perguntas difíceis de crianças em seu primeiro livro infantil

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016 15:46 BRT
 

Por Philip Pullella

CIDADE DO VATICANO (Reuters) - O papa Francisco, autor de encíclicas e decretos de peso, adotou uma abordagem mais despojada em seu primeiro livro para crianças em que responde perguntas como "o que Deus fazia antes de o mundo ser criado?"

Essa dúvida lhe foi apresentada pelo menino canadense Ryan K., de 8 anos. Como outras do livro, ela foi escrita acima de um desenho simples – neste caso, o rascunho feito pela criança de um Deus barbudo de pé em um globo cercado de estrelas douradas.

A resposta do papa, escrita em poucas frases na página oposta, foi que Deus "criou o tempo", mas que acima de tudo "ele amou".

O livro, chamado "Querido Papa Francisco", foi ideia de Antonio Spadaro, padre e editor do jornal jesuíta italiano Civilta Cattolica e a primeira pessoa a entrevistar Francisco após sua eleição, em 2013.

Spadaro levou ao papa os 31 desenhos e perguntas de crianças de todo o mundo, e Francisco ditou as respostas em linguagem simples.

A queniana Natasha, de 8 anos, pediu uma explicação da história bíblica que narra como Jesus caminhou sobre as águas (Porque Deus pode tudo).

Outras crianças queriam saber se parentes mortos podem zelar por elas do céu (com certeza), por que ele usa aquele chapéu grande (porque é um bispo), e que milagre realizaria se tivesse só uma oportunidade (curaria crianças doentes).

Basia, menina de 8 anos da Polônia, perguntou o que ele queria ser quando tinha sua idade. A resposta: açougueiro.   Continuação...

 
Papa Francisco fala na Praça São Pedro, no Vaticano.  24/2/2016. REUTERS/Max Rossi