Editora da revista Playboy está considerando venda, diz fonte

quinta-feira, 24 de março de 2016 19:49 BRT
 

(Reuters) - A Playboy Enterprises, proprietária da revista Playboy, está explorando a possibilidade de uma venda, disse uma fonte familiarizada com o assunto à Reuters, em uma ação que vem após a famosa revista interromper a publicação de fotos de mulheres nuas e colocar a icônica Mansão Playboy à venda.

O The Wall Street Journal, que noticiou primeiro a informação, disse que a companhia poderia ser avaliada em mais de 500 milhões de dólares.

Hugh Hefner, que fundou a Playboy em 1953, transformou-a em empresa de capital fechado em 2011, juntamente com a empresa de private equity Rizvi Traverse Management, em acordo que avaliou a companhia em 207 milhões de dólares.

O banco de investimentos Moelis & Co está aconselhando a Playboy na venda, disse a fonte à Reuters. A Playboy Enterprises não estava imediatamente disponível para comentar e o Moelis & Co não quis falar sobre o assunto.

(Por Mike Stone; reportagem adicional por Anya George Tharakan )