Atriz britânica Judi Dench quebra recorde com oitavo Prêmio Olivier

segunda-feira, 4 de abril de 2016 10:28 BRT
 

Por Marie-Louise Gumuchian e Edward Baran

LONDRES (Reuters) - Veterana do cinema, da televisão e dos palcos, a atriz britânica Judi Dench recebeu seu oitavo Prêmio Olivier no domingo, um recorde para a maior noite do teatro britânico.

A artista de 81 anos ganhou o Olivier de melhor atriz coadjuvante pela peça "Conto de Inverno".

"Senhoras e senhores, estou absolutamente lívida, porque fiz uma aposta com meu neto, que acabei de perder, e jamais me deixarão esquecer disso", disse Judi em seu discurso de agradecimento.

"Sei que todos dizem como se divertiram fazendo alguma coisa, e desta vez posso verdadeiramente dizer que 'Conto de Inverno' foi absolutamente memorável para mim".

Perguntada nos bastidores se planeja diminuir seu ritmo de trabalho, Judi respondeu à Reuters: "Quem quer desacelerar? Não, quero estar empregada".

A peça "Gypsy" ficou com quatro prêmios, a maior quantidade para uma única produção, incluindo melhor revitalização musical e melhor atriz de musical para Imelda Staunton, que deu início à glamourosa cerimônia realizada em Londres caracterizada como a personagem Momma Rose.

"Gypsy" também rendeu os troféus de melhor atriz coadjuvante de musical para Lara Pulver e melhor iluminação.

Em categoria que contou com indicadas como Nicole Kidman e Gemma Arterton, Denise Gough foi escolhida como melhor atriz por seu desempenho em "People, Places And Things", um drama sobre reabilitação no qual interpreta uma viciada.

Robert Icke levou o prêmio de melhor diretor por "Oresteia", e o duradouro musical "O Fantasma da Ópera" conquistou o prêmio da plateia, o único escolhido pelo público.

 
Atriz britânica Judi Dench durante evento em Londres.    03/04/2016    REUTERS/Neil Hall