Meryl Streep vive cantora sem talento em "Florence Foster Jenkins"

quarta-feira, 13 de abril de 2016 11:37 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A atriz ganhadora do Oscar Meryl Streep solta notas agudíssimas na pele de uma aspirante a cantora de ópera em seu filme mais recente, "Florence Foster Jenkins", que trata de uma socialite norte-americana conhecida por sua voz pavorosa.

Meryl interpreta a herdeira que, convencida de seu talento para o canto, chegou a estrear um espetáculo na famosa casa de shows Carnegie Hall em 1944.

O ator britânico Hugh Grant vive seu marido e empresário, St Clair Bayfield, que procura ocultar da companheira sua incapacidade para cantar.

"Bem, é uma grande história. É sobre uma pessoa real que viveu na primeira metade do século 20 em Nova York, uma socialite que deu muito dinheiro às artes, mas cujo sonho era ser cantora", contou Meryl na estreia do filme em Londres na noite de terça-feira.

"E, com o amor do marido, ela conseguiu acreditar que era uma cantora. Mas era uma verdadeira amadora, fez o que fez por puro amor à coisa. E é isso que, de certa forma, é bonito nela".

Meryl, de 66 anos, já cantou em outras produções, como "Mamma Mia", "Caminhos da Floresta" e "Ricki and the Flash: De volta pra casa", mas o papel mais recente exigiu que ela escondesse seu talento vocal.

"O que de certa forma era maravilhoso nela é o quão perto ela chegou de ser boa, e quando ela desafinava é que ficava glorioso e engraçado de certa forma", disse.

"Florence Foster Jenkins" estreia na Grã-Bretanha no dia 6 de maio e nos cinemas dos Estados Unidos em agosto.

(Por Sara Hemrajan)

 
Atriz ganhadora do Oscar Meryl Streep durante evento em Berlim.     11/02/2016      REUTERS/Stefanie Loos -