Temor de ataques coloca Festival de Cannes em alerta antes de abertura

segunda-feira, 9 de maio de 2016 17:04 BRT
 

CANNES, França (Reuters) - A segurança no Festival Internacional de Cinema de Cannes, que começa na quarta-feira, será intensa, já que a França ainda enfrenta o risco de ataques, disse o ministro francês do

Interior, Bernard Cazeneuve, nesta segunda-feira.

Diante da expectativa de um público de 45 mil pessoas no evento entre os dias 11 e 22 de maio, as autoridades francesas estão em estado de alerta e recrutaram cerca de 400 agentes de segurança, centenas de policiais e forças especiais prontas para intervir, afirmou Cazeneuve em uma coletiva de imprensa.

A França se encontra em estado de emergência desde os atentados reivindicados pelo Estado Islâmico que mataram 130 pessoas em novembro em locais de entretenimento de Paris e seus arredores, como uma casa de shows, cafés e o estádio nacional.

"Como estamos prestes a inaugurar este festival e eu vim aqui para verificar o protocolo de segurança, estamos... diante de um risco que é maior do que nunca", disse Cazeneuve.

"E contra um inimigo que está determinado a atacar a qualquer momento, precisamos estar extremamente vigilantes o tempo todo."

A França já anunciou planos para prolongar o estado de emergência até a Euro 2016, o campeonato de futebol europeu que começa no mês que vem, e uma segurança mais rígida nos locais de competição.

Em 1978, as autoridades francesas frustraram um ataque ao Festival de Cannes ao descobrirem uma bomba no palco do Palais des Festivals, que sedia o evento.

(Por Hortense de Roffignac, Mike Davidson e Julien Pretot)