Realeza britânica lança campanha contra estigmatização de doenças mentais

segunda-feira, 16 de maio de 2016 12:00 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O príncipe britânico William, sua esposa, Kate, e seu irmão, Harry, incentivaram seus conterrâneos nesta segunda-feira a descartar seus preconceitos contra as doenças mentais, o que está sendo considerado o maior projeto conjunto em que os três membros da realeza britânica já se envolveram.

Na campanha "Heads Together" (Cabeças Unidas), que lançaram em Londres, o duque e a duquesa de Cambridge e o príncipe Harry irão trabalhar com instituições de caridade "para mudar o debate nacional sobre o bem-estar mental", informou uma nota do Palácio de Kensington, a residência oficial do casal real

"Vimos diversas vezes que problemas de saúde mental não resolvidos estão no cerne de alguns dos nossos maiores desafios sociais", disse William em um discurso conjunto ao lado de Kate e Harry.

"... (O projeto) Heads Together quer fazer as pessoas conversarem.  Quanto mais falamos sobre a saúde mental, mais normal o tópico se torna, e mais capazes nos sentimos de nos abrirmos e procurar apoio".

Harry jogou um jogo de peças de montar chamado jenga, que é usado por alguns profissionais de saúde mental como ferramenta terapêutica, e Kate e William arriscaram alguns movimentos de boxe para mostrar o papel que se acredita que os exercícios têm no estímulo do bem-estar mental.

(Por Marie-Louise Gumuchian)

 
Príncipe britânico William (direita), sua esposa, Kate, e seu irmão, Harry, durante campanha em Londres.   16/05/2016      REUTERS/Jeremy Selwyn/Pool