Ator da série ‘The Wire’ é preso após confusão por causa de política

segunda-feira, 16 de maio de 2016 18:34 BRT
 

ATLANTA (Reuters) - O ator Wendell Pierce, que estrelou a série “The Wire” da HBO, foi preso em Atlanta no fim de semana e acusado de agressão depois de uma discussão provocada por diferenças de opinião sobre a disputa presidencial norte-americana, disse a polícia nesta segunda-feira.

O incidente se deu no início da manhã de sábado depois que Pierce, que dá apoio a Hillary Clinton, se envolveu num debate político com um casal no Loews Atlanta Hotel, segundo o boletim de ocorrência da polícia de Atlanta. Meios de comunicação afirmaram que o casal apoiava o rival de Hillary na corrida pela nomeação democrata, Bernie Sanders.

De acordo com o boletim, Pierce seguiu o casal pelo hotel e tentou forçar a entrada no quarto deles, além de puxar o casaco da mulher e atingi-la na cabeça. Pierce negou as alegações, afirmou a polícia, e ninguém precisou de atenção médica.

Representantes do ator não foram encontrados para comentar o ocorrido.

Nesta segunda-feira, a Rutgers University em Newark disse que Pierce havia desistido de ser o orador da formatura da escola nesta semana, citando o incidente.

Pierce não quis fazer o pronunciamento “para assegurar que a formatura de 2016 seja uma celebração dos feitos dos nossos estudantes, livre de distrações”, afirmou a escola em comunicado, acrescentando que a jornalista Soledad O’Brien o substituiria.

(Por Rich McKay)

 
Wendell Pierce durante evento em Los Angeles. 31/3/2016. REUTERS/Mario Anzuoni