Cerimônia em catedral de Londres inicia comemorações dos 90 anos da rainha Elizabeth

sexta-feira, 10 de junho de 2016 10:11 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A Grã-Bretanha realizou um Serviço Nacional de Ação de Graças em homenagem à rainha Elizabeth nesta sexta-feira, dando início a um final de semana que irá marcar oficialmente o 90º aniversário da monarca mais velha e há mais tempo no cargo no país.

O serviço na Catedral de St. Paul, ao qual compareceu uma série de dignitários, como outros membros da família real e o primeiro-ministro britânico, David Cameron, foi uma comemoração dupla para a rainha, já que o príncipe Philip, seu marido há 68 anos, celebra seu 95º aniversário também nesta sexta-feira.

Em uma cerimônia repleta da pompa que acompanha eventos reais importantes, a monarca foi saudada na catedral por trompetes, e a entrada da igreja foi ocupada pela Guarda Real, composta de soldados veteranos em uniforme escarlate.

O arcebispo da Cantuária e líder espiritual da Comunhão Anglicana, Justin Welby, disse que o país contemplou as décadas de serviço da rainha à nação, em meio a guerras, privações, tumultos e mudanças, com profunda admiração e gratidão.

A rainha, que ocupa o trono há 64 anos, fez 90 anos em abril, mas, mantendo uma tradição que remonta a 1748, também tem um aniversário oficial, normalmente em junho, para que as comemorações ocorram quando é mais provável que o clima esteja melhor na Grã-Bretanha.

(Por Michael Holden)

 
Rainha Elizabeth durante cerimônia na Catedral de St. Paul, em Londres.    10/06/2016      REUTERS/Jenny Goodall/Pool