Diretor de "O Franco-Atirador", Michael Cimino morre aos 77 anos

segunda-feira, 4 de julho de 2016 20:07 BRT
 

LONDRES (Reuters) - Michael Cimino, cuja atribulada carreira como diretor de Hollywood incluiu filmes como o sucesso “O Franco-Atirador” e o lendário fracasso de bilheteria “O Portal do Paraíso”, morreu aos 77 anos, noticiou a imprensa norte-americana.

O sucesso de “O Franco-Atirador, um filme de 1978 sobre a guerra do Vietnã e com Robert De Niro no papel principal, fez de Cimino um dos diretores mais procurados de Hollywood. O filme venceu vários Oscars, incluindo os de melhor filme e melhor direção.

Mas o longa foi seguido, em 1980, por “O Portal do Paraíso”, um épico de faroeste que o crítico do New York Times Vincent Canby chamou de “um desastre inclassificável”. O filme teve um orçamento de 36 milhões de dólares, três vezes o custo médio de um longa metragem à época.

A carreira de Cimino nunca se recuperou completamente. A imprensa dos EUA disse que Cimino morreu no sábado, mas a causa da morte não foi revelada.

(Por Eric Beech)

 
O diretor norte-americano Michael comparece ao Lumiere Film Festival em Lyon, na França, em 13 de outubro de 2014. REUTERS/Robert Pratta/File Photo