'American Crime Story' e 'Game of Thrones' lideram indicações ao Emmy 2016

quinta-feira, 14 de julho de 2016 17:20 BRT
 

Por Piya Sinha-Roy e Steve Gorman

LOS ANGELES (Reuters) - "The People v. O.J. Simpson: American Crime Story", uma minissérie que aborda as tensões raciais que abalaram o sistema de justiça criminal dos Estados Unidos 20 anos atrás, dominou as indicações ao Prêmio Emmy de 2016 nesta quinta-feira, ao lado da fantasia medieval "Game of Thrones", da HBO.

O drama em 10 episódios do canal a cabo FX, que acompanha o julgamento de assassinato impactante e polarizador de O.J. Simpson em 1995, foi indicado em 22 categorias no total, incluindo melhor série de curta duração e melhor ator para Cuba Gooding Jr. pelo papel do protagonista, um ex-jogador de futebol americano.

Sarah Paulson foi indicada como melhor atriz em uma série de curta duração por sua interpretação da principal promotora, Marcia Clark, e Courtney B. Vance concorre por sua atuação como o advogado de defesa Johnnie Cochran, parte da equipe de advogados que obteve sua absolvição.

"Game of Thrones" liderou a corrida com suas 23 indicações, entre elas as de melhor série dramática, duas para ator coadjuvante e três para atriz coadjuvante. O seriado de sucesso, baseado na série de romances de fantasia "As Crônicas de Gelo e Fogo", de George R.R. Martin, venceu na categoria de série de drama de destaque no Emmy do ano passado.

A série policial "Fargo", do FX, vagamente baseada no longa metragem de mesmo nome dos irmãos diretores Joel e Ethan Coen, foi a terceira produção com mais indicações, 18, incluindo uma para melhor série de curta duração e outra para Kirsten Dunst como melhor atriz.

O canal a cabo HBO, grande vencedor de estatuetas no Emmy, se destacou entre as emissoras recebendo 94 menções no total.

"Game of Thrones" irá competir em uma disputa de sete concorrentes pelo prêmio de melhor drama com "Homeland", suspense do canal Showtime sobre uma agente da CIA, "The Americans", que trata da espionagem durante a Guerra Fria, "Better Call Saul", derivação do sucesso "Breaking Bad" da rede AMC, a última temporada do melodrama de época "Downton Abbey", da PBS, o seriado político "House of Cards", do Netflix, e "Mr. Robot", série sobre um hacker da USA Network.

Na categoria comédia, a sátira política "Veep", da HBO, lidera com 17 indicações, entre elas a de melhor atriz para Julia Louis-Dreyfus.

"Veep" irá disputar o troféu com "Silicon Valley", do mesmo canal, "black-ish" e "Modern Family", da ABC, "Master of None" e "Unbreakable Kimmy Schmidt", do Netflix, e "Transparent", da Amazon.

Os vencedores dos prêmios Emmy, escolhidos pelos mais de 20 mil membros da Academia de Artes e Ciências da Televisão, serão conhecidos em uma cerimônia na cidade de Los Angeles no dia 18 de setembro.

 
Peter Dinklage durante lançamento da sexta temporada de "Game of Thrones" em Los Angeles  10/4/2016.   REUTERS/Phil McCarten