Festival de Cinema de Veneza terá astros e esquema reforçado de segurança

terça-feira, 30 de agosto de 2016 15:40 BRT
 

Por Mike Davidson e Agnieszka Flak

VENEZA (Reuters) - Um musical com Ryan Gosling e Emma Stone, Jude Law como um papa que é fumante inveterado e a volta de Mel Gibson com um drama de guerra são atrações consideradas imperdíveis no Festival Internacional de Cinema de Veneza, que inaugura sua 73ª edição sob um esquema reforçado de segurança na quarta-feira.

Grandes astros de Hollywood e diretores autorais estarão disputando o Leão de Ouro no festival de cinema mais antigo do mundo, que após um período de decadência volta a ser visto como uma plataforma de lançamento para a temporada de premiações da indústria depois de estrear eventuais ganhadores do Oscar em suas três últimas edições.

O suspense espacial "Gravidade", a comédia "Birdman" e o drama sobre os abusos sexuais da igreja de "Spotlight" foram contemplados com Oscars depois de estrearem em Veneza, e essas vitórias ajudaram a atrair talentos para o evento deste ano, disse o diretor artístico Alberto Barbera.

"O segundo elemento é que neste ano há muitas coisas boas circulando", afirmou ele à Reuters enquanto o tapete vermelho era instalado em preparação para o desfile das estrelas cinematográficas.

A rica seleção de filmes norte-americanos e internacionais inclui "La La Land", de Damien Chazelle, que abre o festival e traz Emma e Gosling em um musical que mescla comédia e drama e trata de um pianista de jazz que se apaixona por uma aspirante a atriz em Los Angeles.

"'La La Land' é algo de que todos estão falando", disse o crítico de cinema Jay Weissberg, da revista Variety. "Por mais que as pessoas possam não querer admitir que gostam de musicais, todo mundo meio que gosta de um musical."

Ainda estarão lá o suspense "Nocturnal Animals", do estilista Tom Ford, o drama de ficção científica "Arrival", de Denis Villeneuve, ambos estrelados por Amy Adams, e "Hacksaw Ridge", de Mel Gibson.

Também muito aguardados são os dois primeiros episódios da minissérie de televisão de Paolo Sorrentino, "The Young Pope", que mostra Law como o pontífice norte-americano conservador e fumante Pio 13, que serão exibidos fora da competição.   Continuação...

 
Diretor do Festival de Veneza Alberto Barbera acena antes do 73º festival. 30/8/2016. REUTERS/Alessandro Bianchi