Épico de sobrevivência, "Brimstone" mostra o Velho Oeste do ponto de vista feminino

sábado, 3 de setembro de 2016 17:15 BRT
 

VENEZA (Reuters) - Martin Koolhoven decidiu escalar uma mulher no papel principal do filme de faroeste "Brimstone" para finalmente mostrar o mundo masculino do Velho Oeste do ponto de vista feminino, disse o diretor holandês no festival de filmes de Veneza, neste sábado.

O filme conta a história de sobrevivência de uma mulher muda chamada Liz, interpretada por Dakota Fanning, que é perseguida por um padre vingativo, interpretado por Guy Pearce. É um dos 20 filmes competindo pelo Leão de Ouro, que será entregue em 10 de setembro.

"Sempre fui muito fã do gênero, mas também fiquei um pouco intimidado pelo gênero porque há muitos grandes filmes", disse Koolhoven, em uma entrevista coletiva antes da estreia do filme. O diretor holandês decidiu fazer o filme em inglês.

É uma produção conjunta entre seis países - Holanda, Alemanha, Bélgica, França, Reino Unido e Suécia -, que, segundo o diretor, permitiu que ele tivesse mais flexbilidade "para fazer o que quisesse" do que se o filme fosse financiado pelos Estados Unidos.

Fanning afirmou que interpretar uma personagem muda ao longo de quase todo o filme foi um desafio particular.

"Estou fascinada pela maneira como as pessoas comunicam-se sem palavras no cotidiano da vida. Acho que energia, linguagem corporal e vibrações no geral podem dizer muito mais que palavras", disse a atriz norte-americana de 22 anos.

Religião e violência estão entre os temas neste épico de sobrevivência que acontece no oeste americano, mas foi filmado na Europa, e Koolhoven disse que as imagens vívidas foram deliberadas para tornar a história mais crível.

"Seria moralmente duvidoso fazer a violência muito confortável, tem que ser desconfortável, e se for muito fácil de ver, então fiz alguma coisa errada", disse.

Emilia Jones, de 14 anos, que faz a heroína como criança, disse que algumas das imagens foram tão violentas que Pearce hesitou em fazer algumas coisas que estavam previstas no roteiro.

"Mas eram muito importantes para o roteiro e, no momento em que falaram 'corta', ele me abraçava e pedia desculpas", disse.