Desfile de moda plus size faz sucesso no Japão e pretende voltar em 2017

sexta-feira, 23 de setembro de 2016 15:08 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - A girl band pop japonesa Pottya, que descreve suas integrantes como "rechonchudas", interpretou seus sucessos enquanto onze modelos amadores plus size percorriam a passarela de um novo desfile de moda masculina em Tóquio dedicado a romper os tabus da obesidade.

A Coleção Tóquio Pochari (roliço), organizada conjuntamente pela marca de roupas plus size Sakazen Shoji e a revista de moda Mr Babe, mostrou modelos que pesam mais de 100 quilos caminhando, rodopiando e posando na passarela.

O evento de quinta-feira atraiu mais de 100 pessoas, que foram convidadas para revelar seu peso para ganhar um desconto em uma nova linha de itens de vestimenta extragrandes ready-to-wear, mas os organizadores disseram que o desfile não foi só para fazer vendas.

Eles têm esperança de mudar as atitudes em relação às pessoas que usam roupas extragrandes no Japão, onde os níveis de obesidade estão entre os mais baixos do mundo desenvolvido e as pessoas mais encorpadas – lutadores de sumô à parte – muitas vezes são exibidas na televisão como figuras cômicas.

"Eu queria espalhar a ideia de que homens largos e altos, que têm dificuldade para encontrar roupas para vestir, podem escolher entre uma variedade de peças e curtir estar na moda", disse Li Tianwei, gerente de vendas da Sakazen Shoji.

O evento deste ano fez tanto sucesso que os organizadores esperam fazer um desfile maior em 2017 com modelos homens e mulheres, disseram à Reuters.

(Por Kwiyeon Ha)

 
Modelos dançam durante desfile da Coleção Tóquio Pochari. 22/9/2016. REUTERS/Kim Kyung-Hoon