Brad Pitt não vai à estreia de filme para focar na sua situação familiar

terça-feira, 27 de setembro de 2016 20:53 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - O ator Brad Pitt disse nesta terça-feira que não iria à première do seu último projeto para focar na sua situação familiar e também não desviar a atenção do documentário educacional, depois da sua muito divulgada separação da atriz Angelina Jolie.

Pitt, de 52 anos, narrou o documentário IMAX de 45 minutos “Voyage of Time”, dirigido por Terrence Malick, que ele chamou de “incrivelmente bonito”.

"Eu estou muito agradecido por participar desse projeto educacional e fascinante, mas estou atualmente focado na minha situação familiar e não quero desviar a atenção desse filme extraordinário, que eu incentivo todos a verem”, disse o ator em comunicado.

Esse foi o segundo comunicado de Pitt desde a notícia na semana passada de que o casal de Hollywood estava se separando.

Ele antes havia dito num comunicado para a revista People que estava “muito entristecido” depois que Jolie, de 41 anos, deu entrada no divórcio na corte de Los Angeles, pedindo a custódia exclusiva dos seis filhos do casal.

Segundo advogados, a atriz havia tomado a decisão “pelo bem da família”. Ela e Pitt estavam juntos há 12 anos e se casaram há dois anos.

O próximo filme de Pitt é “Aliados”, um drama de guerra a ser lançado em novembro, que também conta com a atriz francesa Marion Cotillard.

Na semana passada, a atriz negou envolvimento na separação do casal, após rumores indicando que ela e Pitt teriam um romance.

(Reportagem de Piya Sinha-Roy)

 
Brad Pitt posa em lançamento de filme em Nova York. 23/11/2015. REUTERS/Shannon Stapleton