Tupac Shakur e Janet Jackson lideram indicados ao Hall da Fama do Rock

terça-feira, 18 de outubro de 2016 12:11 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - O falecido rapper Tupac Shakur, a pop star Janet Jackson e a cantora e ativista Joan Baez estão entre os 19 músicos indicados nesta terça-feira para serem incluídos no Hall da Fama do Rock and Roll.

A banda britânica de rock progressivo Yes, os roqueiros norte-americanos do Pearl Jam, a banda de metal Steppenwolf, a banda eletrônica inglesa Depeche Mode e a cantora de funk Chaka Khan também foram incluídos na lista de indicados, que receberá votos de fãs e especialistas da indústria musical.

Os artistas precisam ter lançado suas primeiras gravações ao menos 25 anos atrás para estarem aptos a ser indicados. Os nomes dos escolhidos de 2017 serão anunciados em dezembro, assim que a votação tiver sido concluída.

Tupac foi morto aos 25 anos em um tiroteio em Las Vegas em 1996 e jamais solucionado, o que só fez sua fama crescer. O rapper nascido no bairro nova-iorquino do Harlem, que cantava sobre a desigualdade social e as lutas dos negros, é visto como uma das vozes mais influentes da cultura hip hop e inspirou documentários, filmes e um musical da Broadway.

A indicação de Tupac reflete a aceitação crescente do rap como uma potência na música comercial e vem na esteira da inclusão dos rappers californianos do N.W.A. no Hall da Fama em 2016, o que fez deles o quinto grupo de hip hop a receber a honraria.

Entre os outros artistas indicados estão Bad Brains, Chic, Electric Light Orchestra, J. Geils Band, Jane's Addiction, Joe Tex, Journey, Kraftwerk, MC5, The Cars e The Zombies.

Os indicados são escolhidos pelos fãs e por um órgão internacional de cerca de 800 artistas, historiadores e membros da indústria musical a quem se pede que levem em consideração influência musical, inovação, duração e profundidade das carreiras.

         (Por Jill Serjeant)

 
Tupac Shakur durante premiação em Nova York em 1996.   04/09/1996     REUTERS/Mike Segar/File Photo