Vocalista do Simply Red diz que banda se tornou uma "prisão"

segunda-feira, 5 de maio de 2008 17:12 BRT
 

Por Ilaria Plleschi

MILÃO (Reuters) - Mick Hucknall, vocalista do Simply Red, disse que o grupo britânico se tornou uma "prisão" para ele. A banda está prestes a se separar, depois de 25 anos.

"Depois de 25 anos, não tenho mais idéias na cabeça para o grupo", disse Hucknall para um grupo pequeno de repórteres, durante a turnê para promover seu disco solo.

"O rádio... espera certo tipo de som (do Simply Red). Para mim, é uma prisão, na minha cabeça eu sou um artista diferente", disse Hucknall, falando em italiano.

Hucknall disse, em outubro de 2007, que o grupo planejava se separar em 2009, em seu 25o aniversário.

Os céticos disseram que o anúncio foi uma estratégia de publicidade, já que vários músicos passaram pelo Simply Red ao longo dos anos. A banda é considerada um nome fantasia para a produção musical de Hucknall.

Na segunda-feira, ele disse que a banda não existiria a partir de 2010 e que iria fazer algo diferente com os músicos.

"Quero mudar, quero fazer algo mais gospel, mais agressivo, mais físico", explicou.

Seu disco solo, "Tribute to Bobby", será lançado no dia 16 de maio. Nele, Hucknall regrava 12 músicas lançadas nos 1960 pelo cantor de blues Bobby Bland.   Continuação...

 
<p>Mick Hucknall, do Simply Red, em foto de arquivo REUTERS. Photo by Darrin Zammit Lupi</p>