Mona Lisas aos milhares são especialidade no sul da China

sexta-feira, 5 de outubro de 2007 09:44 BRT
 

Por Nina Mehra

SHENZHEN, China (Reuters) - Querendo um Van Gogh, mas sem vontade de roubar um banco ou um museu? Então vá para Shenzhen, no sul da China, onde milhares de artistas produzem em grandes quantidades reproduções de obras de arte.

O vilarejo de Dafen, em Shenzhen, abriga vários estúdios cheios de Mona Lisas e trabalhos impressionistas pintados por jovens chineses.

"Pintura a óleo é um grande negócio na China. Cerca de 60 por cento dos trabalhos a óleo do mundo são produzidos em Shenzhen", disse Zhang Jingxuan, presidente-executivo da Shenzhen GWJB Art, uma empresa especializada em reproduções de obras.

"Temos 5.000 artistas aqui, que pintam de tudo, do clássico, impressionista até o abstrato --todos os assuntos."

A habilidade dos artistas de Dafen para produzir réplicas em massa faz com que as pinturas sejam vendidas a preços baratos. E se alguém não conseguir encontrar aquela obra de museu ou paisagem que deseja, os artistas locais podem fazer uma cópia rapidamente.

"Eu adorava pintar e arte quando era bem jovem. Então escolhi esta profissão. E eu adoro pintar Veneza", disse Ma Haibin, pintor de 33 anos que trabalha em Dafen há 10 anos.

(Por Nina Mehra)

 
<p>Rep&oacute;rter observa pintura de Vincent Van Gogh durante uma apresenta&ccedil;&atilde;o para a imprensa em Madri, no museu Thyssen-Bornemisza. Querendo um Van Gogh, mas sem vontade de roubar um banco ou um museu? Ent&atilde;o v&aacute; para Shenzhen, no sul da China, onde milhares de artistas produzem em grandes quantidades reprodu&ccedil;&otilde;es de obras de arte. Photo by Susana Vera</p>