Paris Hilton se dedica aos negócios na Dinamarca

sexta-feira, 8 de agosto de 2008 16:14 BRT
 

Por Martin Burlund e Mariam Mistry

COPENHAGEN (Reuters) - A socialite Paris Hilton tirou uma folga da política presidencial dos Estados Unidos nesta semana para se dedicar a um assunto do qual entende ainda mais: bolsas.

Em Copenhague para promover sua nova linha de bolsas de mão e acessórios, ela disse que sua entrada nos negócios a fez sentir mais como uma adulta.

"Eu me sinto muito adulta agora, sim, eu sou uma adulta", disse Hilton à Reuters. "Estou dirigindo uma grande corporação e é muito empolgante."

A celebridade foi assunto nos últimos dias quando o candidato republicano à Presidência dos EUA, John McCain, usou sua imagem em um anúncio de TV para retratar seu rival, o democrata Barack Obama, como uma celebridade, e não como um líder.

A mãe de Hilton, que junto com seu marido já colaborou com 4.000 dólares para a campanha de McCain, chamou o anúncio de um desperdício de dinheiro.

Mas Hilton foi além, postando um vídeo no web site Funny or Die no qual ela chama McCain de "um cara enrugado de cabelos brancos" e oferece propostas políticas próprias.

"Quero que a América saiba que estou, tipo assim, totalmente pronta para liderar", diz Hilton no vídeo. Ela se ofereceu para pintar a Casa Branca de rosa e avisou McCain e Obama: "Vejo vocês nos debates".

No evento de Copenhague, Hilton era só negócios.

Ela diz que espera que sua nova linha, chamada Confidence (confiança), seja vendida em 400 lojas, começando com o Aeroporto de Hamburgo e Manchester.

"Todas as meninas deveriam ser confiantes. Isso é algo que sempre fui, por isso me dou tão bem nos negócios. Então, achei que seria perfeito ter um nome como aquele, por que se você tem essa bolsa, você tem confiança."