DreamWorks e Reliance devem anunciar acordo em breve--fontes

segunda-feira, 11 de agosto de 2008 11:52 BRT
 

Por Sue Zeidler

LOS ANGELES (Reuters) - Steven Spielberg e David Geffen devem anunciar esta semana um acordo com o Reliance ADA Group para criar um novo estúdio, deixando a Paramount Pictures, afirmou uma fonte próxima à questão neste domingo.

Contudo, a equipe da DreamWorks não descartou a Paramount como sua distribuidora, segundo as fontes.

A iminente união entre a Reliance, de Mumbai, e a DreamWorks de Spielberg envolve dois anos de especulação e hostilização entre Spielberg, o co-fundador da DreamWorks, David Geffen, e a Paramount, que pertence à Viacom, desde a venda de DreamWorks para a Viacom por 1,6 bilhão de dólares em 2006.

No acordo, reportado pela primeira vez em junho mas agora prestes a ser completado, a Reliance investiria cerca de 500 milhões de dólares em ativos. O JP Morgan se ofereceu para conceder o crédito para a DreamWorks, que procurou 500 milhões de dólares adicionais em financiamento, afirmou uma fonte próxima ao acordo.

Assim que for anunciado formalmente, a diretora da DreamWorks irá voltar suas atenções para a busca de um parceiro para distribuir seus seis filmes anuais, afirmou a fonte.

Uma outra fonte disse esta semana que enquanto a decisão envolvendo a distribuição possa levar meses, a DreamWorks se manterá aberta a ter a Paramount como distribuidora de seus filmes.

Mesmo se a equipe de Spielberg escolher outra distribuidora para suas obras, cerca de 12 projetos concluídos, incluindo a seqüência de "Transformers", serão distribuídos pela Paramount nos próximos meses devido às suas relações existentes.

A Reliance tem trabalhado para construir um nome em Hollywood. Em maio, a empresa controlada pelo bilionário Anil Ambani assinou acordo com oito estúdios de Hollywood tocados por atores de primeiro time, incluindo a Smokehouse Productions de George Clooney, a Playtone Productions de Tom Hanks e a Plan B Entertainment de Brad Pitt.