Tate Modern chama Osgemeos e Nunca para pintar fachada do museu

quinta-feira, 24 de abril de 2008 11:43 BRT
 

Por Fernanda Ezabella

SÃO PAULO (Reuters) - A famosa fachada da Tate Modern, virada para as águas do Tâmisa, em Londres, deixará sua cor amarronzada e ganhará um toque brasileiro a partir de maio, quando os artistas paulistanos Osgemeos e Nunca participam da exposição Street Art.

Será a primeira vez que a fachada do museu, uma antiga estação de energia às margens do rio, será usada como suporte para uma exposição, segundo os organizadores.

Outros quatro artistas dividirão o espaço com os brasileiros, na mostra de 23 de maio até 25 de agosto: Blu (Itália), Faile (EUA), JR (França), Sixeart (Espanha).

Os irmãos Otavio e Gustavo Pandolfo, 34 anos, conhecidos como a dupla Osgemeos, viajam em meados de maio para Londres, onde ficam uma semana para pintar o espaço de aproximadamente 20 metros por 7 metros.

"Queremos fazer um personagem, de cima a baixo, um gigante, para ter um impacto", disse Gustavo à Reuters por telefone. "Não sabemos ainda os detalhes, se o gigante vai estar vestido, pelado, com alguma máscara. Isso só vamos decidir na hora."

Nunca, codinome de Francisco da Silva, 25 anos, também não sabe ao certo o que fará em seu espaço na Tate, mas promete postar fotos do processo de pintura diariamente, a partir de 8 de maio, em seu blog (nunca1.blogspot.com).

Enquanto Osgemeos ficaram famosos pelos personagens coloridos grafitados pelos muros de São Paulo, como retirantes descalços ou crianças brincando, Nunca ganhou seu público com grafites de traços geométricos e temas influenciados pela arte indígena e cultura sul-americana.

Ambos artistas foram convidados para a mostra londrina pelo curador Cedar Lewisohn, que foi encontrar os três pessoalmente na Escócia, onde eles pintavam um grande castelo em 2006.   Continuação...