Divórcio custa US$ 48,7 milhões a Paul McCartney

segunda-feira, 17 de março de 2008 11:31 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O ex-Beatle Paul McCartney foi condenado pela Justiça a pagar 24,3 milhões de libras (48,7 milhões de dólares) à ex-mulher Heather Mills, depois de uma turbulenta batalha judicial pelo divórcio.

McCartney, de 65 anos, se casou com a ex-modelo e coordenadora de campanhas de caridade Heather Mills, de 40 anos, em 2002. Mas eles se separaram quatro anos depois e culparam a intromissão da mídia em suas vidas pessoais pelo fim do relacionamento. Eles têm uma filha, Beatrice, de quatro anos.

Falando do lado de fora do tribunal, Mills criticou a advogada de McCartney, acusando-a de lidar mal com o caso.

"Estou tão feliz que acabou", disse ela. "Estamos muito, muito satisfeitos".

As disputas envolvendo a separação de um dos fundadores do grupo pop mais famoso do mundo e Mills foram acompanhadas de muito perto pela mídia.

Mills foi alvo de histórias sensacionalistas na impressa sobre seu passado pitoresco, e disse que ficou à beira do suicídio porque a mídia a retratou como "vadia" e "garimpeira".

(Reportagem de Paul Majendie. Reportagem adicional de Kate Kelland e Andrew Hough)

 
<p>A brit&acirc;nica Heather Mills fala a jornalistas do lado de fora do tribunal, em Londres. O ex-Beatle Paul McCartney foi condenado pela Justi&ccedil;a a pagar 24,3 milh&otilde;es de libras (48,7 milh&otilde;es de d&oacute;lares) &agrave; ex-mulher Heather Mills, depois de uma turbulenta batalha judicial pelo div&oacute;rcio. Photo by Kieran Doherty</p>