"O Orfanato" e "As 13 Rosas" são favoritas aos prêmios Goya

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007 16:12 BRST
 

MADRI (Reuters) - O filme de suspense "O Orfanato", de Juan Antonio Bayona, e a história sobre a Guerra Civil espanhola "As 13 Rosas", de Emilio Martínez-Lázaro, são os favoritos para a 22a edição dos Prêmios Goya do cinema espanhol.

As duas produções receberam 14 indicações cada, incluindo melhor filme, ao lado de "Siete Mesas de Billar Francés", de Gracia Querejeta, terceira favorita com 10 indicações.

O drama urbano "La Soledad", de Jaime Rosales, também irá disputar o prêmio de melhor filme.

Querejeta e Iciar Bollaín, do filme "Mataharis", são candidatas a melhor direção, uma categoria geralmente dominada pelos homens. Martínez-Lázaro e Rosales também concorrem a melhor direção.

O thriller "O Orfanato" é o filme escolhido pela Espanha para disputar o Oscar de filme estrangeiro. Já foi visto por mais de 4 milhões de espectadores nos cinemas do país.

O ator Alfredo Landa, que anunciou sua aposentadoria após o filme "Luz de Domingo", de José Luis Garci, disputará o prêmio de melhor ator e receberá uma o Goya de Honra por toda sua carreira.

Para o prêmio de melhor filme estrangeiro de língua espanhola disputarão o longa cubano "La edad de la peseta", de Pavel Giroud, o peruano "Mariposa negra", de Francisco J.Lombardi, o chileno "Padre Nuestro", de Rodrigo Sepúlveda, e o argentino "XXY", de Lucía Puenzo.

A cerimônia de entrega dos Prêmios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas acontecerá em 3 de fevereiro em Madri.

(Por Itziar Reinlein)