Metropolitan imita "American Idol" em seleção de astros da ópera

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008 12:37 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O Metropolitan Opera de Nova York realizou neste domingo sua própria versão do programa norte-americano "American Idol", escolhendo os futuros astros da ópera. Nove cantores, todos na faixa dos 20 anos, foram selecionados de um total de 2.000 artistas dos EUA para interpretar dois números cada no palco da Ópera para as grandes finais das audições do Conselho Nacional do Met.

Além de atuar com uma orquestra completa, sob a batuta de Stephen Lord, cada um dos cinco vencedores receberá como prêmio 15 mil dólares. Os finalistas ganham 5 mil dólares.

A soprano do Met Patricia Racette, que estréia na quinta-feira na última produção do Met da ópera "Peter Grimes", apresentou a competição.

Em vez de cantar, ela contou piadas, como esta: "Qual a diferença entre uma soprano e um terrorista? Você pode negociar com um terrorista."

Embora a platéia aplaudisse muito, não era possível manifestar apoio por telefone ou e-mail.

Duas horas depois de as apresentações começarem, Racette anunciou os vencedores, dizendo: "Isto parece tanto com o American Idol".

Os ganhadores foram o tenor Rene Barbera, a mezzo-sporano Jennifer Johnson, a soprano Simone Osborne, o barítono Edward Parks e a mezzo-soprano Daveda Karanas.