Ewan McGregor se surpreende com paz em viagem pela África

quarta-feira, 30 de julho de 2008 15:03 BRT
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters) - Os atores Ewan McGregor e Charley Boorman esperavam encontrar sequestradores armados e hienas selvagens em sua viagem de motocicleta pela África, mas se depararam com uma realidade bem diferente, com pouca violência e crianças curiosas.

O documentário "Long Way Down", que mostra quão pacífica foi a viagem, vai passar nos cinemas norte-americanos a partir de quinta-feira e, depois, será veiculado na televisão, no canal Fox Reality, a partir de sábado.

McGregor, 37, astro do recente filme "Star Wars", disse que o documentário sobre a viagem de três meses, que começou na Escócia e terminou na África do Sul, derruba muitos retratos comuns sobre a África.

"Fomos bombardeados com duas coisas: imagens de fome e de vida selvagem. E nós sempre sentimos que aquele continente teria várias outras faces. Espero que tenhamos mostrado isso", disse o ator à Reuters.

Filmado em 2007, "Long Way Down" retrata a continuação da viagem que os dois atores fizeram em 2004, saindo de Londres e terminando em Nova York. No caminho, eles passaram pela Europa, Ásia e América do Sul. A primeira viagem também virou documentário, chamado "Long Way Round".

"Long Way Down" começa com Gregor e Boorman na Inglaterra, preparando-se para a viagem com um curso de sobrevivência. Um instrutor avisa que eles devem dormir com as cabeças dentro das barracas, para evitar mordidas de hiena. No treinamento, sequestradores armados tentavam capturar as celebridades.

Mas Gregor disse que tanta preocupação era um exagero. "Não tivemos nenhum problema, contrariando muitos conselhos que recebemos", afirmou.

Em vez de sequestradores, eles encontraram multidões de crianças curiosas e conheceram os donos europeus de uma fazenda de flores, além de uma extrovertida tribo e um rastafári que acredita que um movimento centro-africano deve estimular o retorno dos jamaicanos ao continente.