"Porco voador" do Pink Floyd é achado destruído na Califórnia

quarta-feira, 30 de abril de 2008 17:43 BRT
 

Por Syantani Chatterjee

LOS ANGELES (Reuters) - Um porco gigante inflável que se perdeu em um festival de música no sul da Califórnia no fim de semana foi encontrado destruído em uma cidade no deserto.

O porco, que integrava os shows do Pink Floyd desde o álbum de 1977 "Animals", que traz a canção "Pigs on Wings", soltou-se das amarras no domingo e saiu voando sobre o público do Festival de Artes e Música Coachella Valley.

Os organizadores do festival chegaram a oferecer 10 mil dólares como recompensa pelo porco de dois andares de altura, que pertencia ao ex-Pink Floyd Roger Waters.

Dois casais disseram na quarta-feira que eles encontraram os restos plásticos do porco inflável do lado de fora de suas casas. O porco foi usado por Waters durante seu show no festival, que aconteceu no deserto a leste de Los Angeles.

Steve Stoltz achou uma pilha de plástico na entrada de sua casa, em La Quinta, Califórnia, ao acordar na manhã de segunda-feira e pegar seu jornal na porta.

"Nós nem sabíamos o que era, mas agora só se fala disso", disse sua mulher, Susan, à Reuters.

A vizinha Judy Rimmer achou uma quantidade bem maior de plástico na entrada de sua garagem. Desde então, ela tem ouvido diversas piadas sobre porcos voadores.

No começo, os casais pensaram que se tratava de uma piada, mas descobriram o que era ao ler na imprensa sobre o porco voador desaparecido.

Eles vão dividir o prêmio de 10 mil dólares e os quatro ingressos vitalícios que o festival dará como recompensa.

"Os organizadores estavam bem ansiosos para ter os restos do porco, mas nós pegamos uns suvenires", disse Susan.