Janet Jackson larga gravadora e vira artista independente

terça-feira, 23 de setembro de 2008 17:05 BRT
 

NOVA YORK (Billboard) - Depois de 14 meses com a gravadora Island Def Jam, Janer Jackson anunciou que não vai mais trabalhar com a gravadora. De acordo com a agente de Jackson, ela pediu à empresa que o contrato fosse cancelado.

Depois de uma longa parceria com a Virgin, Jackson assinou contrato com a Def Jam em julho de 2007 e, em fevereiro, lançou "Discipline". Quando as vendas do disco não corresponderam às expectativas, a cantora se mostrou insatisfeita com a Island Def Jam. Ela disse ao site Sohh.com que a gravadora "suspendeu toda a divulgação do disco depois do lançamento do primeiro single, 'Feedback'".

Neste mês, ela deu a entender à Billboard que abandonaria a gravadora, dizendo: "Não posso dizer que trabalharei com eles no futuro. Eu não sei o que o futuro reserva para nós".

Produzido por Janet e seu namorado, o presidente da gravadora, Jermaine Dupri, "Discipline" estreou no primeiro lugar da parada Billboard 200 em março, com 181 mil cópias vendidas. Mas, até agora, um total de apenas 415 cópias foi vendido, de acordo com a Nielsen Soundscan. O disco ficou apenas 14 semanas na parada.

Agora, Janet terá "autonomia em sua carreira, sem as restrições do sistema de uma gravadora", de acordo com um comunicado divulgado por seus empresários. "Sempre conhecida por inovar e lançar novas modas, a saída de Janet da Island faz dela uma das primeiras estrelas a ter liberdade individual para promover seu trabalho por meio de uma série de mecanismos como o iTuners, celulares e outros canais diversos e inovadores".

Janet está fazendo sua primeira turnê em sete anos, "Rock Witchu", com o apoio de LL Cool J e Donnie Klang.