October 9, 2008 / 8:25 PM / 9 years ago

Atriz teen Saoirse Ronan desfruta o estrelato

3 Min, DE LEITURA

Por Christine Kearney

NOVA YORK (Reuters) - A atriz teen indicada ao Oscar Saoirse Ronan gosta de ser descrita como estrela em ascensão.

Falando em seu sotaque irlandês nativo, irreconhecível para quem só a conhece dos personagens que ela já representou, a atriz de 14 anos diz que, apesar de tudo o que já fez e de passar a maior parte do tempo convivendo com adultos em sets de filmagem, ainda se sente adolescente.

"Estou ficando mais conhecida como atriz, e gosto do som disso", disse Ronan à Reuters em entrevista para divulgar seu novo filme, "Cidade das Sombras", que estréia nos EUA na sexta-feira e é estrelado por Bill Murray e Tim Robbins.

"Quando estou com meus amigos, mesmo que sejam um pouco mais velhos, sou uma garota de 14 anos, me sinto uma garota de 14 anos", disse a atriz, cujos papéis no cinema incluem o de uma menina que acusa o namorado de sua irmã de estuprá-la e uma garota que é estuprada e assassinada.

Mas ela diz que se sente "às vezes com 17 anos", como quando está falando "sobre cinema e coisas culturais. Mas quando estou com meus amigos, me sinto menina outra vez".

Nascida em Nova York, Ronan mudou-se para a Irlanda aos 3 anos e ficou internacionalmente famosa ao ser indicada ao Oscar de melhor atriz coadjuvante em 2008 por seu papel no romance de guerra inglês "Desejo e Reparação".

"Estive com adultos na maioria de meus filmes. Em 'Desejo e Reparação', passei quase o tempo todo com adultos", disse ela, sentada e vestindo calça jeans num quarto de hotel em Nova York, tendo ao lado o pai, Paul, que também é ator.

"Eu adoraria trabalhar com meninas de minha idade, acho que seria superdivertido."

Ronan acaba de rodar seu papel em "The Lovely Bones", do diretor Peter Jackson, adaptado do romance "Uma Vida Interrompida", em que ela faz uma menina de 14 anos que é assassinada e acompanha a vida de sua família desde o céu.

Em seu novo filme, "Cidade das Sombras", baseado no romance de 2003 de Jeanne DuPrau do mesmo título, ela faz uma órfã que tenta sair de uma cidade subterrânea e fala com sotaque americano.

"Nunca fiz um sotaque irlandês em nenhum dos filmes em que trabalhei, então acho que os sotaques são uma das coisas pelas quais devo ser conhecida", disse Ronan, que usou sotaque britânico refinado em "Desejo e Reparação".

"Mas até fazer isso no cinema, eu não sabia que isso era um dom."

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below