Produtores de Beaujolais tentam melhorar imagem do vinho local

domingo, 19 de outubro de 2008 14:52 BRST
 

Por Catherine Lagrange

ODENAS, França (Reuters) - Fabricantes de vinho tipo vintage da região francesa de Beaujolais lançaram uma campanha para melhorar a imagem do seu produto e sair das sombras do Beaujolais Nouveau, vinho pelo qual a área é mais conhecida.

A região serrana de produção de vinho no Leste da França é famosa no mundo pelo seu Beaujolais Nouveau, um vinho tinto, novo, de qualidade variável, que sai para o mercado na terceira semana de novembro e deve ser consumido no mês de maio seguinte.

No entanto, um grupo de produtores de vinho de alta qualidade quer acabar com a reputação da região ser lugar de vinhos de qualidade menor.

"Nosso problema é que nós temos dez tipos de vintage sobre os quais ninguém nunca ouviu falar. Somos a única região do mundo conhecida por seu vinho ruim e não pelo seu vinho de qualidade", afirmou Jean Bourjade, presidente da agência de comércio local.

"Temos a imagem de um vinho industrial, mas na verdade tudo aqui é artesanal", acrescentou ele, no Chateau de la Chaize.

Os proprietários do local produzem os mais refinados vinhos Beaujolais. A edificação, do século 17, que hospedou em 1996 o então presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, e Hillary Clinton, foi onde os produtores lançaram o plano para melhorar a imagem dos seus vinhos.

Eles organizarão três degustações de vinho por ano na França, na Europa e em outro grande mercado. Em 2009, haverá degustações nos Estados Unidos.

A região francesa de Beaujolais, que vai de Lyon até o limite da área de Burgundy, tem estado em crise há dez anos. Muitos produtores sofrem com a queda do consumo de vinho e com a competição de produtos australianos e chilenos.

A imagem da região também foi afetada por escândalos sobre métodos de produção. A polícia lançou uma investigação em dezembro para apurar se produtores adicionaram mais açúcar ao vinho para aumentar o teor alcoólico acima dos níveis legais.