Morre diretor do clássico pornô "Garganta Profunda"

terça-feira, 28 de outubro de 2008 17:45 BRST
 

MIAMI (Reuters) - O cineasta Gerard Damiano, que dirigiu o clássico pornô "Garganta Profunda" (1972), morreu aos 80 anos no sábado, em consequência de um derrame sofrido em setembro, disse seu filho ao jornal News-Press, de Fort Myers, Flórida.

"Garganta Profunda" é considerado o marco inicial da moderna indústria do cinema pornô. O filme foi altamente polêmico, e a atriz Linda Lovelace disse na época que foi obrigada a fazê-lo por seu marido, o agressivo Chuch Traynor.

Damiano, que nasceu em Nova York e fez outros títulos pornôs, disse em 2005 ao News-Press que sempre tentou ser "um cara legal", e que por isso se saiu "bastante bem" num setor tão difícil.

"Quer dizer, eu conhecia uma atriz e tinha de dizer: 'Senta aí, tira a roupa, vou te pedir para fazer umas coisas bem safadas'. É preciso ser bem agradável."