Casas de leilão estimam queda em preços de jóias e relógios

sexta-feira, 14 de novembro de 2008 13:27 BRST
 

Por Stephanie Nebehay

GENEBRA (Reuters) - Centenas de diamantes, jóias e relógios de luxo serão oferecidos em Genebra na próxima semana, num mercado em que os compradores estão cautelosos e os preços vêm tendo queda de 20 a 30 por cento, anunciaram casas de leilões na sexta-feira.

A Christie's e a Sotheby's estão aconselhando os vendedores a diminuir seus preços de reserva - ou seja, os preços mínimos, mantidos em sigilo - nos leilões de jóias, devido à crise financeira que vem reduzindo a procura por artigos de luxo.

Mas, enquanto muitos lotes ficaram sem compradores nos leilões de arte do outono em Nova York, sem receber ofertas que chegassem às estimativas mínimas, especialistas prevêem que os melhores diamantes e gemas raras sejam arrematados por preços bons em Genebra.

"Digamos que, com um pano de fundo mais seletivo, artigos bons, com estimativas realistas, terão bons resultados", disse o diretor do departamento de joalheria da Christie's em Genebra, Eric Valdieu, em entrevista em seu escritório.

"Estou dizendo aos clientes que eles farão melhor em vender aos preços de hoje e dispor de um montante sólido em cash, em lugar de aguardar dois, três ou cinco anos até os preços chegarem aos níveis anteriores."

François Curiel, diretor internacional do departamento de joalheria da Christie's, disse que há demanda forte por diamantes - "sinal de uma certa insegurança" em meio aos mercados acionários em queda.

O mercado dos leilões de jóias é movido pelos melhores diamantes, que, segundo corretores e joalheiros de primeira linha, caíram em relação aos picos de preço verificados no início do ano.

David Bennett, presidente de jóias da Sotheby's na Europa e Oriente Médio, encara a situação com otimismo cauteloso.

"Estou otimista quanto às chances de as jóias continuarem a ter bons resultados, já que são vistas como tendo um valor palpável ...", disse ele à Reuters.

A semana começa na noite de domingo com o leilão da Sotheby's de 200 relógios, e na segunda-feira a Christie's vai leiloar 415 relógios com valor estimado em 15 milhões de francos suíços (12,6 milhões de dólares).