Madonna e Ritchie desmentem valores do divórcio

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008 10:10 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A cantora Madonna e seu ex-marido Guy Ritchie informaram na quarta-feira que uma nota anterior, divulgada em nome dela, "induzia ao erro" e era "imprecisa" ao relatar valores relacionados ao divórcio do casal.

Liz Rosenberg, assessora de imprensa de Madonna em Nova York, disse na segunda-feira que a cantora havia oferecido ao cineasta britânico entre 50 e 60 milhões de libras (76-92 milhões de dólares) como parte do acordo.

As agências Reuters e Associated Press (AP) noticiaram as cifras, que agora estão sendo contestadas pelo casal.

"Tentamos manter um silêncio digno a respeito dos detalhes do nosso divórcio nos últimos meses, embora aceitando o óbvio interesse da mídia", disse a nota conjunta.

"Uma declaração imprecisa, que induzia ao erro, especificamente em relação às somas envolvidas, foi equivocadamente divulgada pela AP neste mês", acrescenta o texto.

"Os detalhes financeiros do nosso acordo permanecerão privados, exceto para dizer que ambos estamos contentes com o nosso acordo. Nossa preocupação primária, como co-genitores, é o cuidado e o bem-estar dos nossos filhos."

Rosenberg disse na segunda-feira que o acordo sobre a guarda dos filhos ainda não foi finalizado.

Madonna e Ritchie têm um filho natural, Rocco, 8 anos, e um adotivo, David, 3, nascido no Malauí. A cantora também tem uma filha, Lourdes, 12, resultado do seu relacionamento com o personal trainer Carlos León. Ela também foi casada com o ator Sean Penn, na década de 1980.

Madonna, uma das artistas de maior sucesso na história, já vendeu mais de 200 milhões de discos na carreira. Nesta semana ela faz shows no Brasil.   Continuação...

 
<p>Foto de arquivo de Guy Ritchie e Madonna chegando para festa de lan&ccedil;amento do longa "RocknRolla - A Grande Roubada", em Londres. Madonna e Ritchie desmentem valores do div&oacute;rcio.REUTERS/Stephen Hird</p>