Lennon "pede" doação de laptops a crianças 28 anos após morrer

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008 17:43 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - John Lennon é a estrela de um comercial para caridade 28 anos depois de sua morte.

Através do uso de tecnologia digital, o ex-beatle pede às pessoas no Estados Unidos para apoiar a campanha "Um Laptop para Cada Criança", que pretende doar os resistentes laptops XO, movidos a energia solar, para as crianças pobres do mundo.

"Imagine que todas as crianças, não importa em que lugar do mundo, possam ter acesso ao conhecimento. Teriam uma chance de aprender, sonhar e realizar o que quiserem", diz a imagem e a voz do John Lennon sintético.

"Tentei fazer isso com a música, mas agora você pode fazer isso de uma maneira diferente. Você pode doar um laptop a uma criança e pode mudar o mundo", diz o músico, fazendo um jogo de palavras com uma de suas canções mais famosas, "Imagine", de 1971.

Lennon foi assassinado com um tiro quando ele e mulher, Yoko Ono, chegavam a seu apartamento em Manhattan em 8 de dezembro de 1980.

Ono aprovou o comercial, que foi lançado na quinta-feira e será transmitido em tempo doado pelas emissoras. Também pode ser visto em www.youtube.com/olpc.

A Fundação "One Laptop per Child" ("Um Laptop para Cada Criança") foi criada em 2005 no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e começou a produzir o laptop XO no fim do ano passado a um custo de menos de 200 dólares cada.

 
<p>Garota japonesa olha foto de John Lennon em foto de arquivo, tirada em 8 de dezembro de 2005. John Lennon &eacute; a estrela de um comercial para caridade 28 anos depois de sua morte. REUTERS/Toshiyuki Aizawa/Files (Newscom TagID: rtrphotos2430250) [Photo via Newscom]</p>