Jennifer Hudson vai cantar no Super Bowl

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009 12:34 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - A atriz e cantora Jennifer Hudson vai cantar o hino nacional dos Estados Unidos no Super Bowl, em sua primeira apresentação pública desde a morte a tiros de sua mãe, seu irmão e sobrinho, anunciou seu site na Internet na quarta-feira.

A ex-participante do programa "American Idol" e atriz premiada com o Oscar por "Dreamgirls - Em Busca de um Sonho" vai abrir a transmissão pela NBC do campeonato da Liga Nacional de Futebol Americano, em 1o de fevereiro, em Tampa Bay, Flórida, cantando o hino norte-americano, "The Star-Spangled Banner".

O roqueiro veterano Bruce Springsteen já foi anunciado como atração do cobiçado meio-tempo da partida, que costuma ser o programa de TV de maior audiência do ano nos Estados Unidos.

A apresentação de Hudson no Super Bowl virá cinco dias antes de ela cantar em Los Angeles no show 2009 MusiCares Person of the Year, evento que antecede a 51a cerimônia de entrega dos prêmios Grammy, em 8 de fevereiro.

O álbum de estréia de Hudson, cujo título é seu nome, foi indicado ao Grammy na categoria melhor álbum de rhythm & blues.

Em outubro, a mãe, o irmão e o sobrinho de Hudson foram mortos a tiros na cidade natal da cantora, Chicago. As autoridades acusaram dos crimes o cunhado de Hudson, William Balfour, que estava separado da irmã da cantora.

Jennifer Hudson, 27 anos, competiu no show de talentos "American Idol" em 2004. Ela foi eliminada na metade da competição, mas reativou sua carreira com uma atuação aclamada no musical de 2006 "Dreamgirls", que lhe valeu um Oscar de melhor atriz coadjuvante. No ano passado ela co-estrelou o filme "A Vida Secreta das Abelhas".

 
<p>A cantora e atriz Jennifer Hudson REUTERS/Eric Thayer (UNITED STATES)</p>