Calças causam desentendimento entre Armani e Dolce & Gabbana

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009 15:51 BRST
 

MILÃO (Reuters) - Os estilistas mais famosos da Itália tiveram uma desavença em torno de uma calça acolchoada. Giorgio Armani acusou a dupla Dolce & Gabbana se plagiar seu trabalho, e a dupla, por sua vez, disse que o decano da moda não tem nada a lhe ensinar.

"Com certeza ainda temos muito o que aprender, mas definitivamente não com ele", disseram Domenico Dolce e Stefano Gabbana em comunicado divulgado na segunda-feira.

A coleção de moda masculina exposta pela dupla no sábado incluiu calças acolchoadas de seda, e o desfile da Emporio Armani, no domingo, apresentou um par de calças feita com a mesma técnica.

Falando com jornalistas após seu desfile, Armani, ao ser perguntado sobre as calças de Dolce & Gabbana, respondeu: "Hoje eles copiam; mais tarde, vão aprender", segundo a agência de notícias italiana Ansa.

"São iguais às nossas", disse o assistente de Armani, Leo Dell'Orco, segundo o jornal La Repubblica em sua edição de segunda-feira.

Dolce e Gabbana retaliaram com um comunicado dizendo que Armani "nunca foi fonte de inspiração para nós, e paramos de assistir a seus desfiles de moda anos atrás".

Os três estilistas são ícones da moda de Milão e ficaram famosos mais de 20 anos atrás, quando suas criações colocaram a cidade no centro do cenário mundial do prêt-à-porter.

Em seu comunicado, Dolce e Gabbana, conhecidos pelo uso de enfeites dourados e barrocos, disseram que seu estilo é mundialmente reconhecido.

"Como dizia Picasso, copiar de outros é inevitável, mas copiar de si mesmo leva à esterilidade," disseram.

Contatado pela Reuters, Armani não deu declarações.