Lançamentos de Hollywood animam público farto da recessão

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009 19:32 BRST
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters) - A economia norte-americana em recessão se junta à comédia romântica com a chegada aos cinemas dos EUA, na sexta-feira, de "New in Town", um dos vários lançamentos próximos que tratam de questões ligadas a dinheiro e podem encontrar eco junto ao público farto da recessão.

Distribuído pela Lionsgate, "New In Town" traz Renee Zellweger como executiva que se prepara para fechar uma fábrica no Minnesota, até que se apaixona por um sindicalista (Harry Connick Jr.) e passa a lutar para reativar a fábrica.

Os filmes de Hollywood geralmente são produzidos mais de um ano antes de serem lançados, o que significa que os cineastas nem sempre sabem se os filmes vão ser apropriados para o clima cultural do momento, ou se vão destoar do momento emocional vivido pelo público.

Para analistas da indústria, se o público vai ou não apreciar a onda de filmes ligados à recessão vai depender de quão estreitamente eles encontram ecos nas vidas pessoais de quem os vê.

No caso de "New in Town", os responsáveis pelo filme dizem que ele não poderia estar mais sintonizado com as manchetes diárias sobre perdas de emprego e fechamentos de fábricas. Mas eles destacam que o filme tem final feliz.

O cantor e ator Harry Connick, que neste filme apenas atua, disse que espera que o público ainda ria das piadas do filme, enquanto vive uma situação difícil. "Muitos trabalhos de entretenimento acontecem contra o pano de fundo de algo trágico", disse ele.

"Delírios de Consumo de Becky Bloom", que estréia em 13 de fevereiro, tem uma trama totalmente distinta da comédia da classe operária de "New In Town."

O filme da Touchstone Pictures é estrelado por Isla Fisher no papel de uma nova-iorquina cujo vício de fazer compras a faz mergulhar em dívidas.

O filme será lançado após uma temporada de compras de fim de ano classificada como a pior em pelo menos quatro décadas, quando muitos consumidores americanos se abstiveram de fazer todas menos as compras mais essenciais.

O thriller "Trama Internacional," da Columbia Pictures, também estréia em 13 de fevereiro, com Clive Owen como investigador e Naomi Watts fazendo uma promotora. Os dois investigam uma conspiração de banqueiros para financiar guerras e terrorismo.