Exposição em Berlim tem cópias de plano de expansão de Auschwitz

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009 15:01 BRT
 

Por Franziska Scheven

BERLIM (Reuters) - Cópias dos planos nazistas de expandir o campo de concentração de Auschwitz foram exibidas ao público pela primeira vez na capital alemã.

Os esboços, feitos com tinta colorida sobre papel amarelado, datam de 1941 e 1942, quando as seções principais do complexo foram construídas pelos nazistas no que agora é o sul da Polônia.

Descobertos no ano passado em um apartamento em Berlim, os esboços incluem planos de andares, travessias detalhadas para os prédios e mapas.

Um dos desenhos mostra os planos de uma sala de 10 por 11 metros, intitulada "Gaskammer", ou câmara de gás, enquanto outro mostra um grande hall chamado "L-Keller" -- especialistas dizem que isto provavelmente é uma abreviação de "Leichenkeller" ou cela para corpos.

Abaixo da descrição, há uma nota, dizendo que a cela "pode ser estendida".

Uma das páginas mostra o que especialistas acreditam ser as iniciais de Heinrich Himmler, o maior tenente de Adolf Hitler, que se envolveu diretamente na morte de milhões de judeus.

"Acreditamos que os planos circularam por Berlim por um tempo e estavam nas mãos da polícia secreta do regime da Alemanha Oriental", disse Ralf Georg Reuth, autor que escreveu sobre o período nazista e trabalha para o jornal Bild, que comprou os 29 desenhos e publicou uma reportagem sobre eles em novembro.

Especialistas identificaram a pessoa que desenhou a maior parte dos esboços como um prisioneiro católico polonês em Auschwitz, que sobreviveu à guerra e foi posteriormente encontrado pela Cruz Vermelha na Venezuela.   Continuação...