27 de Fevereiro de 2009 / às 18:38 / 8 anos atrás

Filme dos Jonas Brothers pode pressagiar o fim da inocência

Por Bob Tourtellotte

LOS ANGELES (Reuters) - Quando a boyband de enorme sucesso Jonas Brothers, na sexta-feira, estrear seu filme em 3D em muitos cinemas americanos cujos ingressos já estão esgotados, será um novo começo para os irmãos e, possivelmente, o fim de sua inocência juvenil.

Até agora, Kevin, 21 anos, Joe, 19 e Nick, 16, vêm conseguindo evitar as armadilhas da celebridade --as perseguições constantes de paparazzi, as críticas destrutivas nos tablóides e Web sites de fofocas e o escrutínio público de suas escolhas pessoais, para citar apenas alguns fatores.

Mas o filme da Disney "Jonas Brothers: The 3D Concert Experience", que os mostra no palco e nos bastidores de sua turnê "Burning Up", de 2008, pode mudar tudo isso. Afinal, uma de suas precursoras, Miley Cyrus (ou "Hannah Montana") viu seu mundo mudar enquanto percorria uma trajetória semelhante para o estrelato.

No momento, os três popstars, que ficaram conhecidos no programa de TV "Hannah Montana," do Disney Channel, não parecem estar preocupados. Na realidade, fazem pouco caso das poucas desvantagens do estrelato que já puderam sentir na pele: meses longe de casa em turnês, longos dias passados divulgando seus discos, e as fofocas nos tablóides e blogs.

"É estranho", disse Joe. "Há desvantagens, mas tudo depende do ponto de vista. Houve um ano em que passamos oito meses na estrada, mas para nós foi emocionante."

Numa entrevista recente, os três irmãos disseram que seu pai, Kevin, os preparou para os rigores do estrelato.

Mas ser um astro de cinema pode ser diferente, porque, mais do que o teatro ou a televisão, o cinema põe seus artistas no palco mundial e os expõe a mais fãs e escrutínio maior.

Foi o que Miley Cyrus descobriu. Ela tinha uma imagem pública totalmente correta de "Hannah Montana", em que representa uma adolescente que vive uma vida dupla: estudante de dia e popstar à noite. O programa também ajudou os Jonas Brothers a deslanchar no show business.

Em fevereiro passado, a Disney lançou o filme "Hannah Montana/Miley Cyrus: Best of Both Worlds Concert Tour", que lotou cinemas e arrecadou 70 milhões de dólares nas bilheterias mundiais.

Mas em abril de 2008 a revista Vanity Fair publicou uma foto mostrando Cyrus, então com 15 anos, envolta num lençol e deixando entrever suas costas nuas. Houve reclamações de pais, e Cyrus foi obrigada a pedir desculpas.

Mais ou menos na mesma época outras fotos pessoais sugestivas dela foram postadas online, e, este ano, circularam na rede fotos pessoais dela puxando os olhos, em poses que desagradaram aos americanos de origem asiática.

Ninguém sabe o que o futuro reserva para os Jonas Brothers, mas os ingressos de seu filme estão tendo vendas enormes.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below