Oasis fica "desnorteado" com cancelamento de shows na China

segunda-feira, 2 de março de 2009 16:51 BRT
 

Por Mike Collett-White

LONDRES (Reuters) - A banda de rock britânica Oasis disse nesta segunda-feira que ficou "desnorteada" com a decisão da China de cancelar dois shows agendados para o próximo mês.

O grupo esperava tocar em Pequim no dia 3 de abril e em Xangai no dia 5 do mesmo mês.

"Representantes do governo da China revogaram a permissão para as apresentações da banda e ordenaram que seus shows, tanto em Pequim como em Xangai, sejam imediatamente cancelados", disse o Oasis em um comunicado.

"O ato das autoridades chinesas de cancelar os shows marca a contradição de suas decisões em relação à banda, que deixou não só o grupo, como também seus produtores, desnorteados."

O comunicado acrescentou que, de acordo com os produtores dos shows, as apresentações foram cancelados depois que autoridades chinesas descobriram que o membro da banda Noel Gallagher participou de um show beneficente a favor do "Tibete Livre", nos Estados Unidos, em 1997.

Como resultado, o governo "julgou que a banda é imprópria para tocar para seus fãs da República Chinesa".

"O Oasis está extremamente desapontado porque agora está impedido de continuar com sua turnê pela China, e espera que o poder de dentro da China reconsidere sua decisão e permita que a banda toque no país."

A turnê do Oasis continuará normalmente pelo restante do sudeste da Ásia, incluindo uma apresentação em Hong Kong, em 7 de abril.   Continuação...

 
<p>Liam Gallagher, do Oasis, durante programa de TV da Alemanha, na cidade de Duesseldorf. 28/02/2009. REUTERS/Ina Fassbender (ALEMANHA)</p>