Ator Ron Silver morre de câncer aos 62 anos

segunda-feira, 16 de março de 2009 13:21 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - O premiado ator e ativista Ron Silver, que foi indicado ao Emmy pelo seu papel no seriado norte-americano "The West Wing", morreu no domingo de câncer aos 62 anos de idade.

"Ron Silver morreu em paz durante o sono com a família ao seu redor na manhã de domingo", disse Robin Bronk, diretor executivo da Coalizão Criativa, a qual Silver ajudou a fundar.

Bronk disse que Silver estava com sua família em Nova York, e que ele vinha lutando há dois anos contra um câncer de esôfago.

Bronk qualificou Silver não apenas por um ator muito talentoso, mas também um campeão da liberdade de expressão e dos direitos dos artistas.

A Coalizão Criativa, sediada em Nova York, é um grupo de orientação política aos artistas fundado em 1989 por Silver, Alec Baldwin e Susan Sarandon, entre outros.

Silver, que ganhou o prêmio Tony da Broadway em 1988 pelo seu trabalho no drama de David Mamet, "Speed the Plow", foi um ativista liberal durante muito tempo, mas depois dos ataques do 11 de setembro ele se tornou um franco defensor do presidente republicano George W. Bush.

Ele foi um orador de destaque na Convenção Nacional Republicana em 2004, muitas vezes chamada por ele mesmo de "Republicana 11 de setembro", e desviou sua afiliação partidária de Democrata para independente.

Silver disse que a mudança de partido político lhe custou trabalhos na liberal Hollywood.

Sua interpretação como o estrategista da Casa Branca Bruno Gianelli, na série "The West Wing", foi talvez o seu mais conhecido papel nos últimos anos, mas ele ganhou outra indicação ao Emmy, pelo suspense "Billionaire Boys Club" (Clube dos meninos bilionários, na tradução literal).   Continuação...

 
<p>O premiado ator e ativista Ron Silver, que foi indicado ao Emmy pelo seu papel no seriado norte-americano "The West Wing", morreu no domingo de c&acirc;ncer aos 62 anos de idade. REUTERS/Joshua Roberts (ESTADOS UNIDOS)</p>