Paul McCartney e Ringo tocam juntos em NY em prol da meditação

domingo, 5 de abril de 2009 11:55 BRT
 

Por Mark Egan

NOVA YORK (Reuters) - Os dois beatles ainda vivos, Paul McCartney e Ringo Starr, tocaram juntos no sábado para levantar dinheiro para ajudar que cerca de um milhão de crianças aprendam uma técnica de meditação que o grupo praticou no auge da fama.

McCartney recebeu no palco Ringo para uma vibrante interpretação de "With a Little Help From My Friends", no Radio City Music Hall, durante um concerto da Fundação David Lynch, que promove a Meditação Transcendental.

Os Beatles ajudaram a popularizar a meditação em 1967, quando buscaram conselhos espirituais do guru indiano, Maharishi Mahesh Yogi.

McCartney e Ringo tocaram juntos pela última vez em novembro de 2002, no Royal Albert Hall em Londres, num concerto para George Harrison, depois da morte do beatle, aos 58 anos, de câncer.

A fundação do cineasta David Lynch afirma que desde 2005 ofereceu bolsas para mais de cem mil jovens em situação de risco, professores e pais em 30 países para aprender a Meditação Transcendental.

O concerto deve levantar dinheiro para que um milhão de crianças aprendam a meditar.

 
<p>Ex-beatles Paul McCartney e Ringo Starr discursa em uma coletiva de imprensa em Nova York. 03/04/2009. REUTERS/Chip East</p>