Humor cortante não é algo natural para atriz Jessica Biel

sexta-feira, 22 de maio de 2009 19:19 BRT
 

Por Alex Dobuzinskis

LOS ANGELES (Reuters) - A atriz Jessica Biel diz que bem que gostaria de saber ser tão sarcástica na vida real quanto é sua personagem em "Easy Virtue", mas que é boazinha demais para arrasar suas rivais.

Biel, 27 anos, comentou que adorou representar uma desbocada piloto americana de carros de corrida que se casa com o filho de uma família britânica esnobe. O filme é baseado numa peça dos anos 1920 do britânico Noel Coward.

"Não recebo muitas oportunidades como essa", disse Biel a jornalistas.

"O que foi diferente para mim foi ver as respostas incrivelmente pontuais que ela dá. Eu gostaria tanto de ser assim. Sou um pouco boazinha demais. É um tédio."

Biel ficou conhecida em 1996 no papel de uma teen rebelde no seriado familiar de TV americana "7th Heaven". Ela contou que, para fazer o papel de Larita Whittaker, ela estudou o trabalho da falecida Katharine Hepburn.

"É o jeito como dão as respostas sarcásticas, incríveis, com um sorriso", comentou a atriz, cujos filmes passados incluem o mistério "O Ilusionista", de 2006, e a comédia "Eu os declaro marido e... Larry", de 2007.

"Easy Virtue" estreia nesta sexta em Nova York e Los Angeles. Dirigido pelo australiano Stephen Elliott, o filme não é uma adaptação típica de uma peça de Noel Coward, cujo trabalho fez a crônica da alta sociedade britânica na metade do século 20.

 
<p>Atriz Jessica Biel posando para foto enquanto promove seu novo filme "Easy Virtue" em Beverly Hills, Calif&oacute;rnia.REUTERS/Danny Moloshok</p>