Morre Michael Jackson, o rei do pop

quinta-feira, 25 de junho de 2009 21:01 BRT
 

Por Bob Tourtellote

LOS ANGELES (Reuters) - Michael Jackson, astro mirim que virou rei do pop e pôs o mundo para dançar com ritmos exuberantes durante décadas, morreu na quinta-feira aos 50 anos.

O médico de legista de Los Angeles Fred Corral disse à CNN que Jackson foi declarado morto após chegar ao hospital com um ataque cardíaco e que uma autópsia provavelmente seria realizada na sexta-feira.

O jornal Los Angeles Times informou que "o popstar Michael Jackson foi declarado morto por médicos nesta tarde depois de chegar a um hospital em coma profundo, disseram fontes da cidade e de segurança".

Jackson adoeceu em sua casa e foi encontrado sem respirar por paramédicos que o levaram ao hospital às pressas, disse o jornal.

O relato do jornal veio depois de a notícia da morte de Jackson ter sido divulgada primeiramente pelo site de entretenimento TMX, segundo o qual o cantor sofreu parada cardíaca.

Conhecido como "rei do pop" por seus álbuns de enorme sucesso que incluíram "Thriller" e "Billie Jean", sua presença dramática no palco e seus passos de dança inovadores foram imitados por multidões de fãs em todo o mundo.

Seu estilo excêntrico, que incluía o uso de uma luva só, a amizade com um chimpanzé e a preferência pela companhia de crianças, além de diversas cirurgias pláticas, lhe valeram muitas críticas e outro apelido, "Wacko Jacko" (Jacko Maluco).

Jackson, que vivia como virtual recluso desde que foi absolvido em 2005 num julgamento por abuso sexual infantil, iniciaria uma série de apresentações em Londres em julho.   Continuação...

 
<p>Michael Jackson, em foto de arquivo, morreu aos 50 anos nesta quinta-feira, disse o site de celebridades TMZ. REUTERS/Stefan Wermuth/Files</p>